A Ascensão dos Nove

download    Antes de ler este post confira o livro anterior da série em: https://wordpress.com/read/blogs/134882783/posts/1639.

    Depois do final inesperado, fiquei curioso sobre como o autor iria continuar a história e o que iria acontecer em seguida. A cada livro que passa se torna mais emocionante. Acredito que seja porque quanto mais a história passa, mais membros da garde são reunidos e mais legados são desenvolvidos.

     Quando vi a capa do livro, fiquei intrigado, porque no volume dois da série, o tútulo era “O Poder dos Seis”, que  existe uma lógica, já que conheceu-se um pouco mais da número Seis e também houve uma aliança de seis pessoas durante o combate contra os morgadorianos no livro. Porém, o nome do terceiro volume é “A Ascensão dos Nove”, que indica um provável encontro dos nove membros da garde, o que espera-se que aconteça quase no final da série. Mas enfim, realmente este era o terceiro volume, e ao acabá-lo pretendo ter uma conclusão sobre o título.  Por enquanto, acredito que esse seja o nome do livro porque ainda haverão mais encontros com a garde, como por exemplo: o número Nove e com o número Oito.

     O número Nove se mostra como o que tem mais legados desenvolvidos até agora. Ele conta com supervelocidade, telecinese, antigravidade, superaudição, entre outros. Sua aparição ocorre durante a transição do volume dois para o volume três da série quando Jonh o libera de uma prisão mogadoriana, deixando Sam para trás. Desde então, Jonh se lamenta pelo amigo deixado para trás e a todo instante reflete sobre como resgatar Sam

     Ao decorrer um pouco mais do livro, número Oito aparece para o grupo de lorienos que estava sobre comando de Cryton, composto por: número Seis, Sete e Dez. Oito é conhecido como Vishnu, um deus indiano,  para alguns humanos.

     O livro “A Ascensão dos Nove” é o primeiro da série que tenho uma crítica negativa. Essa se deve porque nessa terceira parte da série não existe a trocac de fonte de letra durante a troca de narradores. Isto dificulta um pouco, mas não algo extremamente comprometedor.

     Mesmo assim, como dito em posts anteriores, tenho muita admiração pelo autor e sua capacidade de descrever a história. Eu percebo cada vez mais emoção durante o livro e não fico entediado em momento algum.

Por Bruno Marçola Ishizuka

 

 

The Legend of Zelda: Ocarina of Time – Perfect Edition

Resultado de imagem para zelda ocarina of time mangaThe Legend Of Zelda: Ocarina Of Time – Perfect Edition é um livro que reúne os dois volumes originais da série de mangás publicados no Japão baseados no fenômeno mundial The Legend Of Zelda: Ocarina Of Time (1998), considerado até hoje o melhor jogo de todos os tempos (segundo Metacritic) e que esse ano completa 20 anos. Escrito por Akira Himekawa, o livro é uma adaptação do jogo, com uma perspectiva totalmente diferente, já que o personagem principal, Link, que não fala nem expressa seus pensamentos no jogo, recebe falas e uma personalidade bem diferente e carismática.

A história se passa no reino de Hyrule, uma terra mágica onde habitam várias raças, como os Hylian, os Gorons, os Zoras, os Deku, os Gerudo e os Kokiri, que são uma raça de crianças que vivem na floresta sob a vigia da Grande Árvore Deku. Dentre essas crianças, havia um menino chamado Link, um garoto corajoso, porém, irresponsável, que era maltratado por seus colegas por não ter uma fada companheira assim como todos os outros Kokiri. Sua única amiga era Saria, a menina mais bela na floresta e também a paixão de Mido, o chefe dos Kokiri, que odiava Link e adorava maltratar ele porque ele era “incompleto”.

Certo dia, uma maldição jogada por Ganondorf, o chefe dos Gerudo, uma raça de ladrões formada só por mulheres onde a cada 100 anos nasce um homem destinado a se tornar seu líder, caiu sobre a Grande Árvore Deku. Link e Mido se propuseram a quebrar a maldição e derrotar Ghoma, a tarântula gigante enfeitiçada por Ganondorf, que estava se alimentando da árvore. Ao final da luta, mesmo após ser derrotada, a Grande Árvore Deku continuava muito doente. Nos seus últimos suspiros de vida, ela enviou Navi, uma pequena fada, para acompanhar Link durante sua jornada. Ela explicou-lhe que, desde seu nascimento, ele tinha um propósito, de derrotar um grande mal que se aproximava. Ela lhe deu a Esmeralda dos Kokiri para que ele a entregasse à Princesa Zelda, no castelo de Hyrule. Nunca nenhum Kokiri havia deixado a floresta, e após aquele dia, ele foi crescendo e ficando mais forte para, um dia, derrotar o grande mal, que já se alastrava por toda Hyrule.

No geral, eu achei que a história é bem fiel ao jogo, fazendo várias referências à momentos icônicos do game. As personagens têm características bem únicas e marcantes e, conforme a história avança, você se sente preso a ela, querendo saber o que vem a seguir. Apesar de ser um mangá, a leitura é bem fácil e não é nem um pouco enjoativa.

Por André Abreu

A Dama Das Camélias

Resultado de imagem para a dama das caméliasA história se passa em um contexto amoroso, onde os protagonistas são Marguerite, que  tinha lindas camélias que mudavam de cor de vermelho para branco, e Armand, que era apenas um simples homem que não tinha muito dinheiro em sua conta bancária.

Armand conheceu Marguerite em um teatro e tinha achado ela uma bela dama, então foi perguntar a seu amigo o nome dela e quando iria apresentar de novo no teatro para ir conversar com ela e ver se poderia acontecer alguma coisa. Quando chegou o dia em que Armand iria conversar com Marguerite, foi então que acabou a peça de teatro de Marguerite e Armand decidiu segui-la até sua casa, percebeu que estava cheio de conde na casa, decidiu esperar os condes irem em bora para poder entrar na casa dela, quando entrou Marguerite achou ele um rapaz muito bonito.

Passando um tempo de muitas conversas eles decidiram namorar e irem morar juntos em um campo onde os condes pagavam tudo a Marguerite sem saber que ela estava namorando. Quando descobriram que sobre o namoro dela decidiram não pagá-la mais então Armand falou que ia tentar arcar com as despesas da casa, porém ele era pobre e não tinha muito dinheiro, Marguerite também não porém era uma menina muito amada pela população, então tinha muitas coisas valiosas.

Armand precisava voltar a sua cidade natal ver seus pais e sua irmã, pois morava mais para o interior, quando ele voltou para ver Marguerite percebeu que ela não estava mais por lá então como tinha a chave da casa dela e quando entrou la não achou ela, foi quando foi na vizinha dela que era muito amiga de Marguerite e entregou uma carta a Armand falando que eles deveriam se separar pois o pai dele falou que ele era um problema muito grande para ela, foi quando descobriu também que ela tinha morrido de tuberculose.

Por Gustavo Bastos

O Alienista

Resultado de imagem para o alienista aticaO livro O Alienista, escrito por Machado de Assis,  conta a historia de Simão Bacamarte, um médico português que estudou em Coimbra e Pádua. Aos 30 anos ele voltou ao Brasil e foi para Itaguaí exercer medicina.

Aos 40 anos casou-se com D. Evarista da Costa e Mascarenhas, a escolha da noiva foi porque ele entendeu que ela poderia lhe dar filhos robustos, sãos e inteligentes, porém não foi o que aconteceu e a dinastia dos Bacamartes entrou em extinção.

Ele se dedicou aos estudos na área psíquica e decidiu juntar aos todos os loucos da cidade em um hospício chamado casa verde, no Rio de Janeiro, ele queria assim estudar, classificar e descobrir um remédio universal. Ele classificava os loucos em mansos, os furiosos e os monomaníacos, isto é, aqueles que a própria comunidade julgava perturbados.

Num segundo momento o alienista, começou a levar para a casa verde pessoas aparentemente ajuizadas, que na sua visão tinham distúrbios mentais. Como por exemplo o caso do Costa era uma pessoa muito generosa que dividiu toda sua fortuna.

A população passou a considerar a casa verde um cárcere privado e a quantidade de pessoas internadas só aumentava, quase ninguém escapava, o barbeiro, o boticário, a sua esposa, o padre, tudo era loucura para o Dr. Bacamarte.

Ocorreu a revolta de 300 pessoas chamada de revolta dos canjicas, que lutava pela derrubada da casa verde, porém o barbeiro foi levado pela ambição pelo poder e tornou-se protetor da vila em nome da sua majestade, tornando-se governador da vila.

Quando a maioria da população estava internada na casa verde, o médico volta a surpreender a todos, anunciando que concluiu que a verdade doutrina sobre a loucura, onde todos que tinham sido considerados loucos na verdade eram sãos; e os sãos eram loucos.

Os novos alienados mentais passaram a ser divididos por classes: a dos modestos, a dos tolerantes, a dos sinceros, a dos bondosos, etc.

O Dr. Bacamarte em seu processo de cura, passa a atacar de frente a qualidade predominante de cada pessoa, o modesto aprende o valor da vaidade; o generoso, o valor do egoísmo; o honesto, o valor da corrupção. As doenças mentais foram curadas rapidamente e antes de um ano, ele deu alta a todos os pacientes. Itaguaí estava livre da loucura.

No final, o médico que o único louco da vila era ele mesmo, então trancou-se na casa verde, entregou-se ao estudo e à cura de si mesmo. Ele morreu depois de 17 meses no mesmo estado em que entrou, concluiu-se que nunca houve outro louco além dele mesmo em Itaguaí.

De qualquer maneira o alienista foi enterrado com muita pompa e solenidade.

A minha opinião é que o livro é muito bom para as pessoas que não gostam de ler livros muito grandes.

Outras obras: Dom Casmurro, Helena, Quincas Borba, Ressurreição, Laiá Garcia, A mão e a Luva e Histórias da Meia-Noite.

Por Beatriz Yumi

Os cinco porquinhos- Agatha Christie

    O livro começa com o detetive particular Hercule Poirot olhando com admiração para Carla Lemarchant que, obviamente, veio até seu escritório para contrata lo. Na hora de se apresentarem Carla diz que seu nome verdadeiro é Carla Crare (isso não é spoiler porque tanto começo do livro) e conta para Poirot sobre o assassinato de Amyas Crale, que aconteceu a dezesseis anos atrás, e também conta que a culpada foi a esposa dedownload (1) Crale, Caroline Crare. Poirot, confuso, pergunta para Carla o que ela quer dele e ela responde que afirma que a mãe dela é inocente e ela quer que Poirot descubra se ela é realmente culpada ou é inocente. Poirot então aceita tentar resolver um mistério que aconteceu a dezesseis anos atrás.

Poirot começa ir atrás de saber se tinha testemunhas do assassinato. E depois de algum tempo de procura ele acha cinco testemunhas: Elsa Greer, Philip Blake, Meredith Blake, Cecília Williams e Angela Warren.

Bom vou parar por aqui porque mais do que isso já seria spoiler e não estou a fim de reclamação que eu contei spoiler e estraguei a leitura de alguém.

Por Pedro Xavier

Um Coração Ardente

Autora: Lygia Fagundes

Editora: Galera

Um Coração Ardente é uma coletânea de 10 contos da escritora Lygia Fagundes, escritora conhecida como “A Primeira Dama da Literatura Brasileira”. Os conto

download

s misturam muito bem o real e o imaginário, o que os deixa com um ar interessante e peculiar.

O conto que dá o nome ao livro começa com um contador de histórias falando sobre como seu coração ardente o colocou em várias enrascadas. Dá o exemplo de uma vez em que se apaixonou por uma prostituta, e daí se desenvolve a curta narrativa.

Outro conto a se destacar é O Noivo, no qual o protagonista acorda no dia de seu próprio casamento e não se lembra de quem é a noiva.

Este conjunto de obras faz um ótimo uso do discurso indireto, e as narrativas deixam o leitor perplexo.  Eu não o recomendaria, porém àqueles que não gostam de contos fantásticos; as histórias podem parecer um pouco sem contexto.

Apertei no peito o coração, era isso, Um coração primitivo! disse em voz baixa e quando encostei a face no tronco da árvore foi como se tivesse encostado a face no tronco de Deus.

Por Carolina Oura

A volta ao mundo em 80 dias

Esse livro conta sobre a história de um homem chamado Phileas Fogg e seu criado Jean Passeapourt, que juntos, embarcam em uma grande aventura. No meio dessas aventuras ambos fazem novos amigos e novos inimigos. Eles vivem grandes aventuras juntos e separados. Não vou contar mais do que isso se não poderei dar spoilers.

Uma das causas de eu querer ler este livro é pelo fato deu ter lido outros dois livros do mesmo autor, Júlio Verne e acabei querendo ler o terceiro, porém não havia achado antes.

Esse livro é cheio de mistérios, aventuras, e um leve suspense. Recomendo muito esse livro.

William Tomoki Nakamori

O chute que a bola levou

Quando vi esse livro, me interesei, porque gostei da capa e o título do livro. Parecia legal, e realmente é muito legal.

O livro conta sobre uma bola que estava em uma loja de esportes que queria ser comprada por um auxiliar da CBF, porque seu sonho é ser usada em um gramado oficial de futebol. Então ela passa de mão em mão ela até ser perdida, e depois, reencontrada.

Bom, não vou falar muito dessa história porque se falar mais posso contar “spoilers”. Também gostei do livro porque gosto de histórias de algo que tenha a ver com futebol, então eu aconselho esse livro a quem gosta disto também.

Pedro Henrique Marcelino

A Escola do Bem e do Mal 2

A-Escola-do-Bem-e-do-Mal-Um-Mundo-Sem-Principes

Agatha e Sophie recomeçam sua velha vida em Gavaldon. Tudo ocorria conforme elas planejavam: continuavam melhores amigas e sempre tinham uma a outra. Era o final feliz perfeito. Em um certo dia, Agatha, acidentalmente, reabre os portões da Escola baseado em um desejo que Sophie jamais a perdoaria: desejar Tedros de volta. Uma princesa desejando o seu destinado príncipe. A partir disso, as duas amigas voltam para o mundo de fantasias onde tudo foi modificado. Nas antigas Torres do Bem, bruxas e princesas estudam na mesma escola, onde aprendem uma vida sem meninos. Do outro lado, Tedros e os garotos moram nas antigas Torres do Mal e se aliara com os vilões, iniciando uma grande guerra entre as duas escolas. Agatha e Sophie terão que trazer a paz de volta. A princesa terá que escolher entre seu desejado príncipe e sua melhor amiga. Sophie tem duas opções: aceitar Tedros e Agatha juntos, ou renascer a bruxa que aquela lutou tanto para matá-la.

Esse livro, assim como o anterior, é repleto de fantasia, criatividade e ação. As personagens tem personalidades bem marcantes e os detalhes de cada capítulo estão sempre presentes. A presença de novas personagens faz a história ficar ainda mais atraente e interessante.

Por ter um vocabulário um pouco mais aprofundado, indico para adolescentes que gostam de ficção, aventura e contos de fada.

Lais Miho Y. Kurotobi

Your Name

YN IMAGEM

“Your Name” conta a história de dois adolescentes japoneses, Mitsuha e Taki, que passam a viver, após certos dias, no corpo um do outro. Por não se conhecerem, tudo se torna novo para os dois, até porque trocar de corpo com outra pessoa desconhecida não é algo tão comum.

No decorrer da história, Mitsuha, uma bela menina que mora em uma pequena cidade no interior do Japão, começa a ficar ainda mais fascinada pela vida de Taki, um menino que mora, por sua vez, na cidade Tóquio. O desenvolvimento e a interação de vida entre os dois se torna tão interessante que a troca de corpos se transforma em algo completamente comum entre Mitsuha e Taki, até que um ocorrido acabaria por mudar completamente a vida de ambos.

Sem dar muitos “spoilers”, porque a história é realmente interessante e deveria ser lida por todos, mas o que mais me atraiu foi o fato que todo o enredo do livro possui conexão, desde o começo ao final. A leitura pode ser curta, mas o livro demanda um grau maior de interpretação e de vontade de leitura, já que o leitor , muitas vezes se vê obrigado a retornar ate certos capítulos anteriores por não conseguir entender o que o levou àquela parte do livro em que ele se encontra.

Por Pedro G. Rogatto

Sonho de uma Noite de Verão

Este livro tem um estilo diferente dos outros que já li, pois é uma reescrita de uma peça conhecida mundialmente chamada “Sonho de uma noite de verão”. Mas isso não quer dizer que eu não gostei do livro, porque na verdade, eu adorei! Mesmo sendo um gênero diferente, ele apresenta uma história linda, com seres fantásticos, misturando ficção e mitologia grega, o que eu achei muito interessante e divertido!

O livro é um romance grego que conta sobre a história de Hérmia e Lisandro que são apaixonados, mas que por conta de Egeu, pai de Hérmia, eles não podem se casar, já que, segundo ele, Hérmia deveria se casar com Demétrio…mas, assim, Hérmia e Lisandro não aceitam a tal decisão e por isso, decidem fugir para a floresta, onde encontram vários animais fantásticos e mitológicos, como duendes e fadas! E assim, eles passam por várias aventuras onde se conhecem cada vez mais e redescobrem seu verdadeiro amor!

Gostei muito deste livro e recomendo para leitores que gostam de romance e aventura! O livro me fez sonhar bem alto e imaginar as situações fantasiosas…algo bem diferente, que não havia sentido muitas vezes! Adorei!

Espero que tenha se interessado pelo livro!

Lívia Coelho Zanon